Consentimento de cookie

Nem todo frizz é igual. Para cabelos finos, o frizz pode significar um cabelo fraco e sem vida. Para cabelos ondulados e cacheados, o frizz pode deixar você parecendo um poodle. Mesmo que o frizz se apresente de formas diferentes para diferentes pessoas, podemos concordar que o frizz impede dias de cabelos incríveis. É MUITO frustrante passar minutos (ou horas!) preciosos finalizando perfeitamente o cabelo, para ele de repente estar arruinado antes mesmo da hora do almoço.

Mas, isso não tem que ser dessa maneira. O segredo é defender seu cabelo dos inimigos causadores do frizz, como falta de hidratação, umidade, chuva e outros fatores externos.

Por isso, se há muito tempo você se pergunta “por que meu cabelo tem frizz?”, continue lendo. Vamos mostrar o caminho para ter um cabelo macio, brilhante e comportado.

O que causa um cabelo com frizz?

O frizz aparece quando ocorre uma combinação perfeita de dois elementos: a saúde/condição do seu próprio cabelo (cabelos danificados são mais propensos ao frizz) e agressores externos (como o tempo úmido).

O frizz é causado pela umidade. A maior parte dos cabelos não é macio em seu estado natural, mas com produtos de tratamento, secadores e produtos de finalização certos, o cabelo pode ser macio e ter diversos estilos definidos. O processo de finalização do cabelo organiza as pontes internas temporárias de cada fio, chamadas de pontes de hidrogênio, formando o padrão uniforme necessário para um belo penteado. A umidade, o grande inimigo da maciez, é capaz de desorganizar muito rapidamente esse padrão.

A umidade é um teor maior de vapor d’água no ar, o que rompe as pontes de hidrogênio da finalização e devolve o cabelo ao seu padrão natural; para a maioria de nós, isso significa frizz.

Por que o cabelo ressecado e danificado é propenso ao frizz

O cabelo danificado é parte do problema, uma vez que é mais suscetível à entrada e saída de hidratação do fio, o que levanta a cutícula e deixa o cabelo menos macio. Cabelos saudáveis possuem uma estrutura densa e podem absorver 30% de seu próprio peso em água; no entanto, cabelos secos e danificados são mais porosos e irão absorver quase o dobro dessa quantidade, deixando-o com frizz e indisciplinado. Por isso, qualquer coisa que danifique ou resseque seu cabelo simplesmente o torna mais propenso ao frizz. Mas nem toda esperança foi perdida! Produtos de finalização especificamente formulados para combater o frizz podem fazer uma diferença muito grande.

Excesso de uso de calor na finalização

As altas temperaturas das suas pranchas alisadoras e modeladores de cachos causam perda da hidratação capilar e podem provocar danos ao longo do tempo, o que por sua vez leva ao frizz.

Como consertar

Reduzir a exposição do seu cabelo às altas temperaturas trará um universo de benefícios:

  • Comece a deixar seu cabelo secar naturalmente em vez de usar o secador, ou tente dar uma ou duas semanas de descanso às pranchas alisadoras e assuma sua textura natural.
  • Se seus modeladores tiverem essa opção, reduza a temperatura ao modelar cachos ou alisar os cabelos e experimente a opção “frio” do secador.
  • Seu chuveiro está muito quente

Lavar o cabelo com água quente demais pode ser muito relaxante para seu corpo, mas não para seu cabelo e seu couro cabeludo! Isso pode ressecar seu couro cabeludo e levantar as cutículas dos fios, o que significa cabelos enfraquecidos e mais propensos ao frizz.

Como consertar: Reduza a temperatura da água: isso abaixará as cutículas, trará brilho e definitivamente manterá você acordada!

Pode te interessar: Saiba como evitar e acabar com as pontas duplas no cabelo

Excesso de coloração

O excesso de descolorantes nos fios provoca um ressecado e quebra dos fios, podendo chegar a afetar sua auto-estima. É importante usar bons produtos nestes tipos de fios, como por exemplo a máscara de hidratação da linha Pantene Pro-V Miracle, que repara e protege e é anti-frizz, já que possui óleo de argan, biotina e é antioxidante. Este produto foi desenvolvido especialmente para cabelos com descoloração principalmente para os loiros já que estes tipos de fio são os que mais necessitam de reconstrução e fortalecimento para não partirem com os químicos utilizados – além de ser uma máscara matizadora.

Agressores externos

Umidade do verão

Você já percebeu que seu cabelo tem mais frizz quando o clima está úmido? É a umidade quente do ar que causa o aparecimento do frizz. A umidade são gotículas microscópicas de água no ar, que são facilmente absorvidas pelos cabelos secos e danificados, já que elas preenchem os espaços da estrutura dos cabelos. Então quanto mais hidratados estão seus cabelos, menor será a probabilidade de eles absorverem umidade e ficarem com frizz. Resumindo, níveis de hidratação mais saudáveis levam a cabelos mais bem-comportados! Cabelos danificados ficam mais ressecados, logo, mais suscetíveis ao frizz.

Pode te interessar: Saiba como nutrir o cabelo danificado

Inverno seco

O cabelo estático pode ser considerado um cabelo com frizz. O movimento da umidade de fora para dentro cria eletricidade estática e frizz, pois o ar está muito seco e sem umidade. O ar carrega seu cabelo com elétrons que criam um efeito magnético (os fios repelem uns aos outros).

Como você pode ver, o frizz não precisa impedir que você tenha o penteado que deseja e desfrute de dias de cabelos incríveis. Agora que você conhece os principais vilões por trás desse comportamento indisciplinado, siga nossos mandamentos anti-frizz e rapidamente descubra que não é impossível ter cabelos comportados.

Esse artigo foi útil?